Oftalmologista alerta para cuidados com os olhos no Carnaval

O Carnaval é um momento de celebração e alegria, mas é importante lembrar de cuidar dos olhos durante esse período.  

O Dr. Marcelo Brito, médico oftalmologista, destaca algumas doenças oculares comuns e acidentes que podem ocorrer e formas de preveni-los:

1. Olhos queimados pelo sol: A exposição prolongada ao sol pode causar fotoceratite. Os sintomas incluem vermelhidão nos olhos, dor e sensibilidade à luz. Para evitar isso, use óculos de sol com 100% de proteção UV e chapéus de abas largas.

2. Conjuntivite: é uma infecção da fina camada que cobre o branco do olho e o interior da pálpebra. É altamente contagioso e se espalha ao tocar nos olhos após tocar em objetos contaminados. Para evitar isso, lave as mãos com frequência, evite tocar no rosto e não compartilhe toalhas ou maquiagem.

3. Desidratação: a atividade física e beber álcool pode levar à desidratação, o que pode causar olhos secos e embaçamento. Para evitar isso, beba bastante água e use colírios lubrificantes, se necessário.

4. Objetos estranhos: Durante o Carnaval, existe o risco de objetos estranhos entrarem em contato com os olhos, como confete, glitter, purpurina ou poeira. Para evitar isso, mantenha os olhos fechados quando houver muitos detritos voadores e use óculos de proteção, se necessário. Em caso de contato, lave abundantemente seus olhos com água corrente e procure um serviço de emergência oftalmológica se os sintomas persistirem.

5. Acidentes relacionados ao álcool: O consumo de álcool pode levar a quedas e acidentes que podem causar lesões oculares. Para evitar isso, limite o consumo de álcool e tenha cuidado em áreas mais aglomeradas.

6. Compartilhamento de maquiagem: Compartilhar maquiagem, especialmente rímel, delineador e sombra, pode aumentar o risco de infecções oculares, como conjuntivite. Para evitar isso, use sempre sua própria maquiagem e nunca a compartilhe com outras pessoas. Além disso, certifique-se de substituir o rímel e outras maquiagens dos olhos regularmente, pois eles podem abrigar bactérias que podem levar a infecções.

Tomando os devidos cuidados e seguindo essas dicas, você poderá aproveitar as festas sem colocar a visão em risco.

Fonte

Marcelo Brito. Médico Oftalmologista

CRM: 18871/RQE:415

Instagram: @dr.marcelobrito

Contatos Imprensa:

Carol Freitas Assessoria

Ana Carolina de Freitas – 11 98110-6493

Últimas notícias

Mascote do Inter é acusado de importunação sexual por repórter de rádio

Repórter da da Rádio Monumental, Gisele Kümpel registrou um...

Atleta paralímpico da região conquista três medalhas no Meeting Caixa

Competição ocorreu em Porto Alegre (RS) e reuniu atletas...

Skatistas brasileiros embarcam para Dubai em busca de uma vaga para Olimpíadas de Paris

Pro Tour Skate Park começa nesta quarta-feira (28) com...

Violência contra a mulher: denúncias ao Ligue 180 crescem 25% em 2023

A Central de Atendimento à Mulher, o Ligue 180,...

Vereadores de Orleans se reuniram nesta segunda dia 26 para tratar de vários assuntos

Os vereadores de Orleans se reuniram nesta segunda-feira dia...

Notícias Relacionadas