Denúncias de assédio são destacadas por sindicato

Ameaças do governo do Estado de demissões foram pauta de coletiva com Sinte

As ameaças de demissão e de corte de salário por parte do governo do Estado e ainda a adesão à greve dos professores foram as principais pautas da entrevista coletiva com a coordenação regional do Sinte Tubarão e o comando de greve nessa quinta-feira.

Denúncias de assédio moral, reivindicações da categoria e o que, segundo o Sinte de Tubarão, o governo fez realmente na prática para os professores foram ressaltadas pela coordenadora Maria Aparecida Farias e pela conselheira estadual do sindicato, Tânia Fogaça.

“Por conta disso, alguns professores ACTs, com medo de perderem seus empregos, acabaram voltando ao trabalho. Mas em compensação, novos profissionais estão aderindo”, reforçam.

Segundo Tânia, as ameaças não estão sendo formalizadas por documentos, apenas de forma verbal, com diretores tendo que resolver a situação. “Nossa greve não é ilegal, pelo contrário. E continuaremos com ela, pelo menos até o dia 8, quando faremos um outro ato em Florianópolis, aguardando uma proposta do governo”, pontua Tânia.

Adesão  

De acordo com o Sinte de Tubarão, ao contrário do que o governo tem falado, a adesão à greve tem sido bastante significativa. “Em Tubarão, apenas duas escolas não aderiram, o Cedup e o Ceja. Nas demais, todas têm profissionais em greve. Em toda a região já são mais de 500 professores”, destacam.

Reunião

Nesta sexta-feira, uma reunião com os profissionais da educação, em greve ou não, foi convocada para falarem mais sobre a situação.

Sindicato apura ameaça

O jurídico do Sinte/SC disse em seu site que tem recebido diversas informações de pressão e ameaças de dispensa de professores ACTs, por conta de adesão à greve da categoria. A justificativa é de que haveria falta injustificada sobre a dispensa – três consecutivas ou cinco alternadas.

“O sindicato defende que as faltas de greve não podem ser equiparadas à falta injustificada, para fins de dispensa/desligamento de ACT. Havendo a concretização da dispensa por essa razão, indicamos o imediato encaminhamento da questão ao conhecimento do Sinte, para as providências cabíveis”, alerta por meio de nota nos canais oficiais.

Fonte: DS

Últimas notícias

O Criciúma Esporte Clube recebeu o Laudo de Salubridade

O Criciúma Esporte Clube recebeu o Laudo de Salubridade,...

Faleceuaos 95 anos o Sr. Pedro Correa Nunes

Faleceu hoje dia (18) a 00:10 no hospital de...

Meia deixa o Atlético Tubarão uma semana depois de ser anunciado

Ele recebeu uma proposta do Ferroviário (CE), que disputa...

Agricultor de 74 anos colhe batata-doce gigante em Alto Bela Vista

O agricultor Ivo Kossian, de 74 anos, colheu uma...

Governo de SC vai lançar projeto para abrigar desalojados do Rio Grande do Sul

Segundo dados da Assistência Social, aproximadamente 400 famílias já...

Notícias Relacionadas