Conta de luz terá bandeira amarela em julho e subirá R$ 1,88 a cada 100 KW/h, informa Aneel

A conta de luz terá bandeira amarela em julho, com custo extra de R$ 1,88 a cada 100 kW/h consumidos

A informação foi divulgada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), nesta sexta-feira (28).

De acordo com o governo, essa decisão foi tomada devido às condições menos favoráveis para a geração de energia no Brasil, já que haverá escassez de chuvas e inverno com temperaturas mais altas.

Essa é a primeira alteração na bandeira desde abril de 2022. Ao todo, foram 26 meses com bandeira verde.

A Aneel afirmou que “a bandeira amarela foi acionada em razão da previsão de chuvas abaixo da média até o final do ano (em cerca de 50%) e pela expectativa de crescimento da carga e do consumo de energia no mesmo período”.

Esse cenário de escassez de chuvas, somado ao inverno com temperaturas superiores à média histórica do período, faz com que as termelétricas, com energia mais cara que hidrelétricas, passem a operar mais.

Sistema de bandeiras tarifárias

A Aneel criou o sistema de bandeiras tarifárias em 2015, com o objetivo de indicar aos consumidores os custos da geração de energia no Brasil. O modelo reflete o custo variável da produção de energia, considerando fatores como a disponibilidade de recursos hídricos, o avanço das fontes renováveis e o acionamento de fontes de geração mais caras, como as termelétricas.

*Com informações do portal Metrópoles

Últimas notícias

Bebê de seis meses morre ao se engasgar com leite

A guarnição do ASU-427 foi acionada para atendimento de...

Homem some durante pescaria em praia da região

Bota usada por vítima e acessórios de pesca foram...

Tubarão Futsal perde por 2 a 1 na Liga Nacional

O time se manteve com 15 pontos, faltando sete...

Desafio Rota da Baleia recebe inscrições

Quinta edição de corrida por trilhas passará por Garopaba,...

Faleceu aos 85 anos a Sra. Lelina Grassi Pereira

Faleceu ontem dia (22) a meia noite aos 85...

Notícias Relacionadas