Campeonato de ondas grandes terá categoria feminina

Atletas presentes na lista são: Raquel Heckert (RJ), Michaela Fregonese (PR), Silvia Nabuco (SP), Michelle Des Bouillons (RJ), Catarina Lorenzo (BA) e Nicoli Pacelli (SP)

O primeiro campeonato confederado de surfe de ondas grandes da história, marcado para acontecer na praia do Cardoso, vai ter categoria feminina.

A novidade ocorre após obtenção de novos patrocínios para o evento. Além da categoria, a CBSurf vai inserir mais uma bateria na competição para permitir uma final entre as atletas.

Por ser a primeira edição, a confederação considerou uma lista de atletas e fez o convite com base no desempenho em eventos anteriores, além da atual performance de destaque delas em sessões de freesurf. Uma relação de atletas alternates para substituir algúém da lista principal, que por alguma eventualidade não puderem participar, também está disponível.

“Se tornar a primeira Campeã Brasileira de Surf de Ondas Grandes da história do Brasil é um marco que não se apaga. Acho que todas as meninas estão muito animadas em poder vir a conquistar este título. Este evento com certeza irá inspirar novas meninas a estarem se desafiando e enfrentando ondas grandes”, comentou a surfista Michele Des Bouillons, em declaração divulgada pela Folha Regional.

As atletas presentes na lista são: Raquel Heckert (RJ), Michaela Fregonese (PR), Silvia Nabuco (SP), Michelle Des Bouillons (RJ), Catarina Lorenzo (BA) e Nicoli Pacelli (SP).

Janela de espera

Há pouco mais de um mês, a janela de espera foi aberta e segue assim até o dia 30 de novembro.A competição pode acontecer a qualquer momento, dependendo das condições do mar, com a necessidade de grande ondulação e vento favorável.

Segundo a CBSurf, quando aparecer uma grande ondulação nos gráficos de previsão, a organização divulgará o sinal amarelo com sete dias de antecedência, alertando a possibilidade de realização do evento.

Caso a ondulação se confirme adequada, com quatro dias de antecedência, será dado o sinal verde, confirmando a realização da competição. Caso a ondulação não se confirme, será dado o sinal vermelho, voltando à espera por uma ondulação mais adequada.

O evento será realizado em um único dia, no auge da grande ondulação. No final do dia de competição será realizada a premiação.

Fonte: Agora Laguna

Últimas notícias

Campanha busca fortalecer setor de exportação

A campanha tem dois eixo A ApexBrasil lançou uma campanha...

Inspeção por câmera com IA auxilia exportação

“Os dispositivos da Hikrobot fazem uma inspeção minuciosa" Os avanços...

Farol de Santa Marta terá tour guiado com acesso ao topo de 17 a 23 de junho

Dos dias 17 a 23 de junho, das 9h...

Prazo para alistamento acaba em 15 dias

empo de permanência na Marinha, Exército ou Aeronáutica é...

Drogas são apreendidas em barreira policial no Farol de Santa Marta

A ação foi realizada durante barreira policial montada na...

Notícias Relacionadas