Toninha é encontrada sem vida no Gi

Equipe do monitoramento de praias foi acionada para fazer o recolhimento do animal.

Uma toninha (Pontoporia blainvillei) foi encontrada morta na manhã desta quarta-feira, 31, na praia do Gi.

Uma equipe do monitoramento de praias foi acionada para fazer o recolhimento do animal.

A toninha, que é facilmente confundida com um boto, é uma das espécies mais ameaçadas de extinção do Atlântico Sul e considerada como o menor cetáceo do mundo, já que, na fase adulta, não passa dos dois metros.

O que fazer ao encontrar animal marinho vivo ou morto

Em casos como esse, o ideal é acionar o Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS). O órgão é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no polo pré-sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama.

Esse projeto tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, através do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos. Caso encontre algum animal marinho vivo ou morto, entre em contato com o projeto pelo telefone 0800 642 3341.

Fonte: Agora Laguna

Últimas notícias

Violência contra a mulher: denúncias ao Ligue 180 crescem 25% em 2023

A Central de Atendimento à Mulher, o Ligue 180,...

Vereadores de Orleans se reuniram nesta segunda dia 26 para tratar de vários assuntos

Os vereadores de Orleans se reuniram nesta segunda-feira dia...

Gaeco deflagra Operação Publicanos em combate à sonegação fiscal e lavagem de dinheiro

Na manhã de segunda-feira, 26/2, o Grupo de Atuação...

Polícia Militar desarticula laboratório de drogas sintéticas em Florianópolis

Na noite de domingo, 25, a Polícia Militar de...

Notícias Relacionadas