PF prende seis jovens com cápsulas de cocaína engolidas no Aeroporto do Galeão

Os presos engoliram centenas de cápsulas contendo entorpecentes e pretendiam embarcar em um voo comercial com destino a Londres.

Na noite da última sexta-feira, 10/5, a Polícia Federal prendeu em flagrante seis brasileiros que transportavam cocaína, em cápsulas, ingeridas, no Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro.

Os presos – três mulheres e três homens – pretendiam embarcar no mesmo voo comercial com destino a Londres, capital da Inglaterra.

Durante fiscalização de rotina – com base em informações de inteligência, equipamentos modernos e técnicas de investigação – os policiais federais, identificaram a droga ingerida em centenas de cápsulas, efetuando, assim, as prisões em flagrante.

Sob a custódia da Polícia Federal, os presos foram encaminhados ao hospital em decorrência do fato de ingestão da droga e, até a manhã de domingo, 12/5, expeliram 629 (seiscentas e vinte e nove) cápsulas, que foram devidamente apreendidas.

Os custodiados ficarão hospitalizados até que todas as cápsulas sejam expelidas, momento em que serão encaminhados ao sistema prisional do Estado, onde permanecerão à disposição da Justiça. Eles responderão pelo crime de tráfico transnacional de drogas, cuja pena pode chegar a 15 anos de reclusão.

Comunicação Social da Polícia Federal no Rio de Janeiro

Últimas notícias

Prefeitura de São Joaquim adota medidas preventivas para garantir transporte de Saúde em meio a chuvas intensas

Devido às chuvas constantes que têm assolado a região,...

Semana do MEI acontece em Criciúma

Palestra de abertura será na segunda-feira (20), às 19h,...

Ferido, gato maracajá recebe atendimento após ser encontrado em galinheiro de Jaguaruna

Um gato-maracajá ferido recebeu atendimento na última sexta-feira, dia...

Lotérica Orleans informa: Mega acumula e sorteia R$ 37 milhões para amanhã terça-feira

Lotérica Orleans informa que nenhuma aposta acertou as seis...

Polícia Civil fecha fábrica clandestina de azeites

A Polícia Civil fechou uma fábrica clandestina de produção...

Notícias Relacionadas