Organização criminosa especializada em golpes pela internet é desarticulada

Golpes do falso intermediário: Polícia desmantela quadrilha em operação Mãos à Obra

Nesta quarta-feira (20/03), uma operação policial denominada Operação Mãos à Obra resultou na desarticulação de uma quadrilha criminosa especializada em golpes do falso intermediário. A ação, coordenada pelas Polícias Civis do Rio Grande do Sul, São Paulo e Paraná, prendeu oito suspeitos envolvidos no esquema fraudulento.

A investigação, liderada pela Delegacia de Investigações Gerais de Itapeva (SP), esclareceu 34 casos de fraude online. A organização operava a partir do Presídio Regional de Caxias do Sul (RS), utilizando sites de compras para enganar vítimas em negociações de materiais de construção.

Os criminosos, utilizando falsas identidades, negociavam a compra de produtos, recebiam os valores e efetuavam ligações para as lojas, ordenando a entrega das mercadorias. Os pagamentos eram realizados via PIX, enganando os comerciantes.

A Operação Mãos à Obra resultou no cumprimento de mandados de prisão e busca e apreensão em diversas cidades dos estados envolvidos, incluindo Guaíba, Porto Alegre e Caxias do Sul no Rio Grande do Sul, Lajeado também no RS e Irati no Paraná. A cooperação entre as forças policiais foi fundamental para o sucesso da ação no combate ao crime organizado.

Com a informação Polícia Civil.

Últimas notícias

Síndrome da fadiga crônica atinge mais mulheres e quem teve Covid ou dengue

No Brasil, o Ministério da Saúde não tem dados...

Equipe de Tubarão brilha no Brasileiro de Karatê

Neste final de semana, a cidade de Joinville foi...

Jaraguá Futsal amassa o Corinthians e sai na frente na 1ª fase da Copa do Brasil

Na teoria, equilíbrio. Na prática, domínio total aurinegro. Em...

O Tigre realizou um treino técnico e tático na tarde desta segunda-feira

O Criciúma terá pouco tempo de preparação até entrar...

Suicídio: o preocupante aumento da taxa entre crianças e jovens e a importância de falar sobre o tema

No período de 2011 a 2022, observou-se um crescimento...

Notícias Relacionadas