Imbituba é alvo de operação que investiga advogados e organizações criminosas

A ação é feita pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco)

Uma operação cumpre dois mandados de prisão e 21 de busca e apreensão na manhã desta terça-feira (25) contra suspeitos de crimes cometidos por advogados e integrantes de organizações criminosas. Um ex-agente prisional temporário e pessoas já presas estão entre alvos em duas cidades do Sul de Santa Catarina: Imbituba e Criciúma.

Joinville, Barra Velha e Blumenau são os outros municípios-alvo, além do município paulista de Praia Grande. Os alvos dos mandados de prisão são dois advogados, ambos de Joinville.

A ação é feita pelo Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco) e representa a quarta fase da operação Sob Encomenda, que visa apurar crimes praticados por advogados e por integrantes de organizações criminosas presos no sistema prisional catarinense e de outros estados.

O objetivo da operação é bloquear a prática de trabalho em conjunto de advogados com integrantes de organizações criminosas relacionado ao tráfico de drogas e entrada de celulares em unidades prisionais.

Fonte: Sul Agora

Últimas notícias

Depois de duas derrotas fora de casa, Tigre enfrenta o Fortaleza nessa quarta no HH

O jogo é válido pela 3ª rodada do Campeonato...

Bebê de seis meses morre ao se engasgar com leite

A guarnição do ASU-427 foi acionada para atendimento de...

Homem some durante pescaria em praia da região

Bota usada por vítima e acessórios de pesca foram...

Tubarão Futsal perde por 2 a 1 na Liga Nacional

O time se manteve com 15 pontos, faltando sete...

Desafio Rota da Baleia recebe inscrições

Quinta edição de corrida por trilhas passará por Garopaba,...

Notícias Relacionadas