Curitiba recebe 2ª edição da Casa dos Sentidos a partir de 29 de março

A segunda temporada do maior projeto nacional de conscientização do autismo, que está em turnê pelo Brasil, desembarca na capital paranaense na próxima semana, com visitação gratuita no Shopping Mueller

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, nos últimos dois anos, o Brasil presenciou um aumento de 15% nos casos diagnosticados de Transtorno do Espectro Autista (TEA), que causa problemas no desenvolvimento neurológico e que prejudica a organização de pensamentos, sentimentos e emoções.

Como uma forma de traduzir em expressões artísticas os sentimentos e vivências de crianças e adolescentes com TEA, a Guanabara Produções Culturais com apoio da Montenegro Produções Culturais, por meio de Lei de Incentivo à Cultura, desenvolveu o maior projeto nacional de conscientização sobre o autismo: a Casa dos Sentidos.

Com um grande sucesso em sua estreia, que ocorreu em 2022, a Casa dos Sentidos retomou sua programação com novidades em sua segunda edição, que se encontra em turnê nacional desde o segundo semestre de 2023. O projeto ganhou novos tons com a participação de novos artistas, e ainda maior alcance, passando por diversas cidades brasileiras, entre elas Monte Mor (SP), Catalão (GO), Ponta Grossa (PR) e Campinas (SP). Agora, o projeto prepara seu retorno para a cidade de Curitiba, onde teve origem.

A passagem da 2ª edição da Casa dos Sentidos pela capital paranaense será entre os dias 29 de março e 21 de abril, em uma estrutura impecável que poderá ser visitada gratuitamente no Shopping Mueller. “Cada um vê o mundo à sua maneira e as pessoas com TEA enxergam e interpretam a realidade de uma forma ainda mais individual. A proposta da Casa dos Sentidos é oferecer uma experiência inédita que fala sobre inclusão social por meio da arte. Tudo de forma sensorial e lúdica”, conta Jocian Machado, pesquisadora do projeto.

Promovendo uma fusão tão necessária entre arte, inclusão e aceitação, o projeto visa expressar os sentimentos e vivências de pessoas diagnosticadas com o transtorno em um ambiente que reproduz uma casa, em uma experiência totalmente imersiva. Para desenvolver a Casa dos Sentidos, a Guanabara Produções realizou um extenso processo de pesquisa, acompanhado de perto por profissionais formados em psicologia, pedagogia, psicomotricidade, fonoaudiologia e terapia ocupacional. Houve ainda apoio da Tismoo, primeira startup de medicina e testes genéticos para autismo, e do The Muotri Lab (da Universidade de San Diego, Estados Unidos), que investiga os mecanismos fundamentais para o desenvolvimento do cérebro e de transtornos como o autismo.

Na sequência, entraram as parcerias entre artistas e arquitetos no desenvolvimento da experiência imersiva. Mesmo com a Casa dos Sentidos rondando o país, a equipe envolvida no projeto continua desenvolvendo uma linha de pesquisa paralelamente ao projeto artístico, que será levada à Universidade de San Diego (EUA) com embasamento técnico.

A construção da exposição trouxe ainda a consultoria do artista visual e quadrinista Fulvio Pacheco, coordenador da Gibiteca de Curitiba e da Linguagem de Ilustração (GEEK) na Fundação Cultural de Curitiba. Na Casa dos Sentidos, Fulvio auxiliou os artistas convidados na adaptação das linguagens e estéticas das obras apresentadas nos cômodos.

Artistas e espaços

O conceito da casa para criar os cenários artísticos simboliza um lugar seguro e receptivo. “É o espaço do acolhimento e do afeto e, assim sendo, pode continuar essencialmente simples. A Casa dos Sentidos tem essa medida exata, toda alicerçada na arte para provocar diversas sensações a cada cômodo”, explica Carolina Montenegro, diretora da Guanabara Produções Culturais e da  Montenegro Produções Culturais.

A imersão da Casa dos Sentidos engloba toda uma vivência sensorial, em ambientes desenvolvidos por artistas, arquitetos e designers renomados. Inovando o projeto, uma nova artista entra em cena: Aline Provensi, que também é psicóloga e autista, assina o espaço do Banheiro. “Esse cômodo, para mim, sempre foi motivo de desconforto sensorial, apesar de ter todo o potencial de ser um local de conforto e lúdico. Tenho muita dificuldade com tomar banho, escovar os dentes e tudo o que envolve essas tarefas básicas. Mas eu amo água e então decidi focar nesse elemento”, explica Aline.

Outra grande novidade da segunda edição do projeto é o Cérebro. O espaço é assinado pela artista convidada Daniélle Carazzai e pelo arquiteto Givago Ferentz, que criaram uma estrutura com dados de pesquisa e referenciais sobre diagnóstico autista. Assim, surge um novo ambiente acolhedor e educativo na Casa dos Sentidos, que será a “porta de entrada” para que as pessoas compreendam parte do universo autista de forma lúdico-didática, por meio de uma interação única que vai mesclar dados científicos e brincadeiras.

A artista Bruna Alcantara assina a Sala de Jantar, trabalhando conceitos como memória afetiva. Bruno Romã foi o responsável pela Cozinha, que propõe uma interação sensorial. Já o Quarto foi trabalhado por Marcella Callado, que resgata o universo infantil dos sonhos.

A versão completa da Casa dos Sentidos ficará aberta para visitação na cidade de Curitiba (PR) entre os dias 29 de março e 21 de abril, no Shopping Mueller, com entrada gratuita. A exposição conta com produção e idealização da Guanabara Produções Culturais com apoio da Montenegro Produções Culturais por meio de Lei de Incentivo à Cultura, com Patrocínio Master John Deere.

Realização do Ministério da Cultura e Governo Federal. O projeto conta ainda com patrocínio da Tetra Pak, Sideral Linhas Aéreas, Da Magrinha, On Petro Combustíveis, S&C, Grupo Barigui, Aker Solutions, Metalus, Magnetron e Ravato; e apoio da Revista Autismo, Tismoo e Centro de Psicomotricidade Água & Vida. Para mais informações sobre a 2ª Casa dos Sentidos, acesse o site www.acasadossentidos.com.br.

Fonte:

Jéssica Mattia

P+G Comunicação Integrada

Últimas notícias

Síndrome da fadiga crônica atinge mais mulheres e quem teve Covid ou dengue

No Brasil, o Ministério da Saúde não tem dados...

Equipe de Tubarão brilha no Brasileiro de Karatê

Neste final de semana, a cidade de Joinville foi...

Jaraguá Futsal amassa o Corinthians e sai na frente na 1ª fase da Copa do Brasil

Na teoria, equilíbrio. Na prática, domínio total aurinegro. Em...

O Tigre realizou um treino técnico e tático na tarde desta segunda-feira

O Criciúma terá pouco tempo de preparação até entrar...

Suicídio: o preocupante aumento da taxa entre crianças e jovens e a importância de falar sobre o tema

No período de 2011 a 2022, observou-se um crescimento...

Notícias Relacionadas